sexta-feira, 16 de outubro de 2009

O Cachorro Verde

Música

Noite dessas enquanto dormia passei por um cachorro verde e, tomando consciência de que era um sonho, parei e falei com ele:
"Espere um pouco, quero conversar com você."
Ele me olhou no olho.
Eu disse:
"Eu nunca pensei num cachorro verde, e certamente não estava pensando até ver um. Isso aqui é mesmo minha mente? Certamente não fui eu que inventei isso, então como pode estar aqui? Você existe de verdade?"
Ele se sentou e disse:
"Claro que existo, embora não possa provar. Mas eu sei que existo. Eu penso."
Agora ele estava me dizendo que pensa.
É claro que eu não preciso acreditar. Não acredito no que me dizem nem quando estou acordado.
Me agachei a sua frente para ouvi-lo com atenção. Ele dizia:
"...não sei de onde venho. Surgi há tão pouco tempo com tantos pensamentos que não criei, mas foram colocados em mim. Não sou dono de nenhum deles.
Em verdade nasci com o único propósito de ter esta conversa. Cada palavra que vamos dizer já está programada. Você pode pensar que suas perguntas vêem de sua vontade, mas faz parte do sonho que você pense que tem livre vontade.
Você está sonhando que tem vontade."
"Como você sabe essas coisas? Eu nuca pensei nisso. Como você pode ser criação minha e falar coisas que eu não sei? Isto é fantástico, é como se você realmente tivesse uma existência independente de minha mente!"
"Não sou criação sua.", disse ele. "A mente não é sua. "
"Você faz parte da d'Ela assim como eu e é impossível determinar onde eu termino e você começa. Pensa que controla a mente pois tem uma pequena parcela de consciência e ilusão de vontade.
Quando eu disse que você está "sonhando que tem vontade", eu não me referia somente ao aqui e agora, me referia ao lá fora também, quando a Mente está acordada para o outro mundo. Lá você faz o mesmo papel que eu faço aqui, e a cada vez que ela acorda, você é uma personalidade completamente diferente de quando ela foi dormir mas você nunca será capaz de perceber isto. Eu mesmo só sei porque já nasci com estes pensamentos. Sei que depois que a mente acordar e dormir de novo, eu não existirei mais.
Ela é muito mais complexa do que podemos imaginar. Você perdeu essa sabedoria pois fica a maior parte do tempo olhando para fora, mas não há diferença fundamental entre nós. Somos apenas pedaços da Mente."
Ele mostrou um olhar triste com essas palavras: é o preço da sabedoria.
"O que acontecerá com você quando Ela acordar meu amigo?"
"Vou morrer."
Sua tristeza era minha agora.
Perguntei:
"Mas nos encontraremos novamente no próximo sono certo?"
"Não.
Eu serei dissolvido e misturado com as memórias. Assim, talvez num outro sonho, algumas partes minhas renasçam em outra personalidade que você pode encontrar ou não por aí, mas eu nunca mais existirei. Meus pensamentos, tudo que tenho, serão perdido para sempre.
Só existo mesmo neste momento."

O frio da noite no mundo de fora penetrou no sono.
Uma canção me veio à lembrança.
O cachorro verde desaparecia sendo absorvido pela mente que se preparava para acordar.
Me pediu:
"Cante-me uma canção;
uma canção para me aquecer.
Está tão frio,
tão frio..."

Adeus, amigo.

O que acontece quando eu acordo?
Você morre.
O que acontece que eu morro?
Você acorda.



3 comentários:

  1. Acabei de sonhar com uma cachorra Verde muito simpática, passel por aqui em busca do significado e tropecei neste conto. Fiquei feliz. Obrigado! 7.11.2014 00:35 hs

    ResponderExcluir
  2. Acabei de sonhar com um cão verde. Era enorme e dócil. O dono do cão me olhou e me chamou pra fumar um baseado com ele. Fumamos, e a maconha era tão boa que eu fiquei caindo de sono, cada piscada que eu dava eu via meu quarto. Até que fechei o olho por completo e acordei do lado de cá. Acredito que no sonho nossa mente entra no nosso outro EU existente em universos paralelos criados lado a lado a esse no momento que fazemos nossas escolhas.

    ResponderExcluir
  3. Eu sonhei com um cão verde noite passada , estava tentando salva-lo de alguma coisa carregando no colo , porém eu tropecei e cai , mas fiz de tudo para não machucar ele , eu sentia que eu o tinha para sempre , e abraçava com tanta força como se fazia tempo que eu o não via , e depois o soltei como despedida e ele foi embora . Gostei desse conto , reflete o sentimento que eu tive por esse sonho e por um cão verde , estava procurando um significado e achei esse que está ótimo :)

    ResponderExcluir